O que precisa para abrir uma empresa corretora de seguros?

O que é necessário para abrir uma corretora de seguros?

Os documentos necessários para abrir uma corretora de seguros são simples:

  1. Documentação na Junta Comercial;
  2. CNPJ;
  3. Cópia autenticada do RG e CPF;
  4. Secretaria Estadual da Fazenda;
  5. IPTU do imóvel;
  6. Cópia do Contrato de Locação ou Compra e Venda;
  7. Alvará de funcionamento;
  8. Entre outros documentos específicos da cidade.

Quanto custa para montar uma corretora de seguros?

É importante lembrar que a seguradora proposta precisa possui o capital social mínimo requerido de R$ 15 milhões. Assim que você obter a autorização provisória deverá dar andamento a todos os procedimentos necessários para realizar o registro da sociedade. Depois disso, a SUSEP irá analisar novamente o processo.

Quem pode ser corretor de seguros?

ser maior de 18 anos e ter ensino médio completo; ser aprovado no Exame para Habilitação de Corretores de Seguros da Escola Nacional de Seguros; após a aprovação, certificar-se junto à Superintendência de Seguros Privados (SUSEP).

O que é preciso para vender seguros?

10 dicas de ouro para vender seguros

  1. Estude o cliente e abordagens antes do encontro.
  2. Monte uma boa apresentação, simples e objetiva.
  3. Mantenha uma boa aparência e transmita simpatia.
  4. Não pergunte mais de uma vez a mesma coisa.
  5. Não fale sobre a concorrência.
  6. Seja específico para atender o problema do cliente.
É INTERESSANTE:  Porque ser um corretor de seguros?

Qual o valor do curso da Susep?

O Curso é composto pelas formações em Capitalização, Vida e Previdência e Demais Ramos. Ao final, o aluno aprovado recebe certificado digital que permite a obtenção do registro profissional emitido pela Susep. O investimento total é de R$ 5.924,00, valor que pode ser parcelado em até 12 vezes no cartão de crédito.

Qual o valor da anuidade da Susep?

Anuidades

Tábua Juros (%) Montante necessário aos 65 anos para receber R$ 1.000 de Renda*
BR.EMSsb.F 5,00 R$ 164.053,85
AT.2000FS10 4,50 R$ 164.638,58
BR.EMSsb.M 3,80 R$ 164.850,12
BR.EMSsb.M 3,75 R$ 165.653,90

Como faço para tirar a Susep?

Portanto, para conseguir “tirar a Susep”, e ser corretor de seguros, é necessário realizar um exame aplicado pela Funenseg, a Escola Nacional de Seguros, que é a única instituição no Brasil apta a habilitar profissionais dessa área.

Quem paga o corretor de seguros?

Isto porque o corretor trabalha para o segurado e é pago pela seguradora, ou seja, quem contrata o trabalho do corretor não é quem o paga (embora se saiba que a comissão de corretagem é calculada como um percentual do prêmio de seguro recebido pela seguradora e pago pelo segurado).

Quem não pode ser corretor de seguros?

Aprovada em dezembro de 1964, a Lei 4.594/64 proíbe o corretor de seguros de aceitar ou exercer emprego em pessoa jurídica de direito público, inclusive de entidade paraestatal, ou ser sócio, administrador, procurador, despachante ou empregado de seguradoras ou outras empresas do mercado.

Quem pode vender seguros?

Hoje pode vender seguros todo mundo que tem um conhecido Corretor de Seguros habilitado que aceita a sua produção. Os bancos, concessionárias de veículos, lojas de departamento, financeiras e demais canais de distribuição vendem seguros porque tem suas Corretoras devidamente cadastradas.

É INTERESSANTE:  Resposta rápida: O que é IPDF em seguro de vida?

Que Faculdade fazer para ser corretor de seguros?

Para fazer o Exame ou o Curso para Habilitação de Corretores de Seguros é preciso apenas ter ensino médio completo. No entanto, se você pensa em ter uma formação mais completa, a melhor opção é investir no curso Graduação Tecnológica em Gestão de Seguros.

Seguros Mais