Melhor resposta: Quais documentos a seguradora pede?

Como a seguradora investiga?

Como dito anteriormente, as seguradoras possuem profissionais especializados para analisar diferentes situações, inclusive o motivo do sinistro. Se for provado que a situação foi intencional, o pagamento da indenização será negado.

O que a seguradora paga?

A indenização é o valor que a empresa seguradora paga para quem contrata seu seguro caso ocorram prejuízos que estavam previstos na apólice, documento esse que traz todas as situações e exigências necessárias quando precisar abrir um sinistro.

O que um seguro auto precisa ter?

Conte com um sistema de segurança: alarme, travas especiais, rastreadores, bloqueadores e mais. Todos esses equipamentos quando instalados no veículo podem gerar bons descontos na contratação do seguro auto. Tenha um cônjuge: pessoas casadas ou com uma união estável também conseguem valores de seguro auto mais baixos.

Como funciona a contratação de um seguro?

A seguradora se compromete a indenizar e pagar, em um determinado valor, quem contratou este seguro no caso de esses riscos se concretizarem. Por exemplo: uma pessoa que contrata um seguro automóvel contra furto ou roubo receberá o pagamento do valor contratado no caso de acontecer um furto ou roubo com aquele veículo.

Quanto tempo a seguradora tem para analisar o sinistro?

Seguradoras possuem prazo de 30 dias para a resolução do sinistro, conforme orientação da Susep. A situação é quase sempre a mesma. O cidadão paga um bom valor todos os anos para ter minimizados os efeitos de eventuais infortúnios em seus bens, sejam eles móveis ou imóveis.

É INTERESSANTE:  Tem como transferir o seguro do carro para outra pessoa?

Como investigar um sinistro?

Para apurar melhor as razões que causaram o sinistro, é preciso analisar bem o perfil do segurado e do veículo, se for de automóvel. Esses procedimentos são essenciais na hora de averiguar a veracidade do sinistro, para isso as seguradoras contratam o sindicante.

O que é valor do prêmio do seguro?

3- O que é prêmio do seguro? É o valor que o segurado paga à seguradora pelo seguro para transferir a ela o risco previsto nas Condições Contratuais. Pagar o prêmio é uma das principais obrigações do segurado.

O que o seguro de veículo não cobre?

Os sinistros que o seguro pode não cobrir. A cobertura compreensiva (ou total) é para colisão, incêndio e roubo, além de danos materiais, físicos e morais causados a terceiros. Quanto mais coberturas no pacote, mais caro o seguro, por isso é possível contratar apenas coberturas contra incêndio e roubo.

Quanto paga para acionar o seguro?

A parte paga pelo segurado é a franquia do seguro. Seu valor é determinado na apólice da proteção, e pode ser fixo ou percentual. Já a perda total, ou integral, acontece quando os danos ao carro são superiores a 75% do seu valor de mercado.

Seguros Mais