Você perguntou: Em que casos o seguro não paga?

Quando o seguro se recusa a pagar?

A recusa só deve acontecer se não houver cobertura para o sinistro, os pagamentos não estiverem em dia ou se o segurado descumprir com alguma cláusula. Caso contrário, busque seus direitos se a seguradora não pagar a indenização do seguro auto.

Quando o seguro pode negar?

Falta de cobertura



Se causar um acidente e isso envolver terceiros, caso você não tenha a cobertura especial para esse caso, saiba que a seguradora pode negar indenização ao terceiro. Por isso, é fundamental estar sempre atento a sua apólice para saber o que tem direito e o que pode ser negado.

Quando o segurado perde direito à indenização?

Se você sofrer um acidente e mesmo após recorrer contra a Lei Seca for comprovado que estava embriagado, ou que você estava praticando qualquer ato contra a lei, a recusa da indenização é certa.

O que o seguro não cobre?

O que o seguro não cobre



O seguro do veículo protege apenas o casco, ou seja, a estrutura geral que inclui chassi, carroceria, motor e caixa. Acessórios – como aparelhos de som e DVD – e equipamentos adicionais – como rodas esportivas e kit Gás Natural Veicular (GNV) – bem como blindagem ficam de fora dessa conta.

É INTERESSANTE:  O que o seguro completo cobre?

Como entrar com ação contra seguradora?

É normal que muitas pessoas tenham dúvidas quanto a necessidade de contratar um advogado especialista para entrar com uma ação contra a seguradora. A resposta é: qualquer advogado consegue resolver problemas decorrentes de um seguro de vida, entretanto, procurar um especialista no assunto é o mais recomendado.

Quanto tempo posso atrasar a parcela do seguro?

De acordo com ela, se o consumidor já tiver pago, por exemplo, 50% do valor de um seguro que teria 1 ano de duração, a cobertura vale por 120 dias (4 meses). Caso o atraso ocorra após o pagamento de 80% do prêmio, a apólice vale por 240 dias (8 meses). Segundo a Susep, esses são os prazos mínimos.

Porque as pessoas não fazem seguro de vida?

O seguro de vida não funciona



Existe também um medo de que a seguradora venha a ter problemas financeiros e que isso atinja o segurado. Acontece que as empresas de seguro atualmente são bem regulamentadas e estão amparadas pelo Estado para transferir apólices caso haja uma eventual falência.

Como é feita a divisão do seguro de vida?

Quem deve receber o seguro



792 do Código Civil, que estabelece que o valor do seguro será dividido em 50% para o cônjuge não separado judicialmente e os outros 50% aos herdeiros legais, obedecida a ordem da vocação hereditária.

Quem herda o seguro de vida?

O beneficiário pode ser um amigo, vizinho, parente, cônjuge ou até um herdeiro. Há algumas regras a serem levadas em conta. Caso o beneficiário seja menor de 16 anos de idade, as seguradoras solicitam a declaração de únicos herdeiros para liberar o pagamento do seguro de vida.

É INTERESSANTE:  Sua pergunta: Como puxar o seguro Dpvat para pagar?

Quem pode pegar o seguro de vida do falecido?

É comum as pessoas terem dúvida sobre quem tem direito ao seguro de vida em caso de morte do segurado. A indenização é paga aos beneficiários informados pelo contratante, não importa se eles são parentes, herdeiros ou não. O beneficiário pode ser um amigo, vizinho, parente, cônjuge e também um herdeiro.

Quando o seguro não paga o sinistro?

Em tese, a seguradora poderá se recursar a pagar o valor do sinistro, mas isso deverá ser justificado por escrito e enviado ao cliente junto com as provas da negativa. Isso porque é bastante comum as seguradoras se recusarem a pagar de forma abusiva, quando não há nenhum impedimento legal para isso ser feito.

Como saber o que meu seguro cobre?

Para saber o que o seguro cobre é necessário, primeiramente, ler a sua apólice atentamente. Caso ainda tenha restado dúvidas do que o seguro auto cobre ou não, entre em contato com a corretora ou seguradora com a qual você fechou o seguro.

Seguros Mais