O que é franquia de seguro de vida?

O que é franquia em seguro de vida?

É o valor ou percentual, expresso na apólice, que representa a parte do prejuízo que deverá ser arcada pelo segurado por sinistro. Assim, se o valor do prejuízo de determinado sinistro não superar a franquia, a seguradora não indenizará o segurado. A franquia pode ser simples ou dedutível.

Qual a diferença entre seguro e franquia?

Isso significa que o prêmio é o valor que valida a emissão da apólice e o início da vigência do seguro. Já o termo franquia, como mencionado anteriormente, se refere ao valor que deve ser pago quando a seguradora for acionada pelo cliente, a fim de cobrir algum sinistro de perda parcial.

Quando paga a franquia do seguro?

A franquia deve ser paga pelo segurado quando ele acionar o seguro. Mas, e se ele não foi o causador do acidente? Se a outra pessoa tiver um seguro contra terceiros, pode acionar a seguradora dele para que pague os prejuízos. Nesse caso, o dono do carro danificado não precisa se preocupar em pôr a mão no bolso.

Quanto é a franquia do seguro?

Franquia é a participação que todo segurado tem nos prejuízos de um acidente que envolva o seguro. Este valor é descontado na indenização que a seguradora paga pra você. Dá uma olhada nesse exemplo que vai ficar bem facinho de entender: você bateu o carro e o conserto vai custar R$ 10 mil.

É INTERESSANTE:  Qual o tempo de garantia de uma televisão?

Porque tem que pagar franquia de seguro?

Nesse caso, o pagamento da franquia de seguro é obrigatório. Esse tipo de sinistro pode acontecer, no caso de veículos, quando há situações como causas naturais, colisões ou furtos e roubos. Ele é considerado parcial quando o automóvel é recuperado, mas tem avarias, por exemplo.

Como é feita a franquia de seguro?

No caso de um carro cuja franquia é estipulada em R$ 2 mil, por exemplo, e o acidente envolvendo o carro tiver um conserto de R$ 5 mil, o segurado paga os R$ 2 mil e a seguradora, os R$ 3 mil restantes. Por isso, em termos mais técnicos, se diz que a franquia do seguro é uma participação financeira que o segurado faz.

O que é melhor seguro com franquia reduzida ou normal?

Para cobrir os gastos com pequenos incidentes, a franquia reduzida torna-se a melhor opção, apesar de aumentar o valor do prêmio. Assim, os custos com prejuízos menores correrão por conta da seguradora. Ela é ideal para motoristas menos experientes.

Como funciona o seguro sem franquia?

A franquia isenta funciona da seguinte maneira: em caso de sinistro de perda parcial, o segurado não tem franquia a ser paga para a oficina(embora ele saiba o valor constante em apolice) porém não precisa pagar e somente a seguradora irá arcar com a parte dela.

O que significa franquia de 25%?

Mas, também é a opção que deixa o valor da apólice, mais caro. A franquia 50%, corresponde à estipulação de um valor de franquia 50%, menor que o valor oferecido na franquia normal ou básica. Já a franquia 25%, consiste em uma franquia 25% menor que a normal.

É possível parcelar a franquia do seguro?

A resposta para essa pergunta é sim, você pode parcelar a franquia do seguro auto. Claro que as maneiras disponíveis de pagamento e número máximo de parcelas variam de acordo com cada seguradora.

É INTERESSANTE:  O que é seguro prestamista PF?

Quem paga a franquia do seguro?

Como é feito o pagamento da franquia do seguro de carro? O pagamento da franquia deve ser realizado diretamente à oficina e/ou profissional responsável por realizar o reparo do veículo. Como a franquia corresponde apenas a uma parte do valor do conserto, a seguradora realiza o pagamento do restante da conta.

Como saber o valor da franquia do seguro do carro?

Se o conserto do carro estiver orçado em R$ 7.000, por exemplo, você paga o valor da franquia do seguro e a seguradora arca com os outros R$ 5.000 para completar o pagamento. É importante salientar que o pagamento da franquia é feito diretamente à oficina e/ou profissional que realizou o conserto do veículo.

Quando não preciso pagar a franquia do seguro?

As apólices podem variar, mas, entre os casos mais comuns nos quais não é preciso pagar a franquia, estão: Acidente com perda total. Em caso de danos morais e materiais a terceiros, sendo o segurado o culpado pelo acidente. Se tiver o veículo roubado ou furtado e ele não for encontrado.

Seguros Mais