Quem pode fazer seguro fiança?

Quem pode fazer o seguro fiança?

O seguro fiança é uma garantia contratada pelo locatário para dar segurança ao proprietário do imóvel. Dessa forma, ele substitui outros tipos de garantia, como o caução ou o fiador. … O diferencial, nesse caso, é que, embora seja o inquilino a contratar o seguro, é o proprietário do imóvel que fica como segurado.

O que é preciso para fazer um seguro fiança?

Para todos os casos, cópia dos documentos (todos os documentos devem estar legíveis): CPF/RG; Imposto de Renda na íntegra, inclusive com página de protocolo; Somente nos casos em que o locatário já reside em imóvel alugado, 03 últimos recibos de aluguel, acompanhados da cópia do contrato de locação do atual imóvel.

Quanto custa o seguro fiança?

O seguro-fiança custa o equivalente a um aluguel e meio a cada ano. Em um contrato de R$ 1.500 mensais, por exemplo, somado o valor do seguro diluído em 12 meses, o inquilino paga R$ 1.687,50.

Tem que ter o nome limpo para fazer o seguro fiança?

Todos precisam de um lugar ou para morar, ou para iniciar um negócio e comprar um imóvel, muitas vezes, é bastante caro, dependendo da cidade e do local, por isso, muitos optam em fechar um contrato de aluguel.

É INTERESSANTE:  Sua pergunta: O que o seguro Zurich cobre?

Qual o Seguro-fiança mais barato?

Startup oferece seguro fiança mais barato com base em limite do cartão de crédito. Com 300 imobiliárias parceiras, a startup CredPago oferece uma ferramenta de seguro fiança até 3 vezes mais barata que as tradicionais por meio de análise do limite do cartão de crédito do locatário.

Como funciona o seguro fiança?

O seguro de fiança locatícia dispensa a necessidade de o inquilino buscar um fiador e evita que o candidato ao imóvel desfalque suas economias para reunir dinheiro equivalente a três ou mais meses de aluguel, supondo que seja necessário fazer depósito (caução) como garantia para o locador.

Como se calcula o valor do seguro fiança?

O custo do seguro fiança locatícia oscila entre uma a três vezes o valor do aluguel, dependendo da seguradora, das coberturas contratadas e do perfil do locatário. Esse valor pode variar, principalmente, de acordo com a análise de crédito do candidato, feita pela seguradora.

O que é seguro fiança para aluguel de imóvel?

O seguro fiança é uma garantia locatícia, que traz segurança no recebimento dos valores da locação ao locador. A cobertura principal do seguro fiança é a inadimplência de aluguel.

Como contratar seguro fiança para aluguel?

Veja como é simples solicitar o seguro aluguel:

  1. Depois que você escolher o imóvel, entre em contato com a imobiliária ou o locador para verificar as condições de locação e qual a garantia locatícia exigida.
  2. Seu Corretor irá solicitar as informações necessárias para a análise cadastral e cálculo do seguro.

Quanto custa um fiador de aluguel?

O custo do serviço de fiador profissional envolve a concessão de documentos (que em média custa R$50 reais) e o valor pelo serviço (que irá variar de acordo com o tipo de contrato, risco, operação financeira e/ou do bem em questão).

É INTERESSANTE:  Como funciona a garantia de uma moto?

Quem paga o seguro fiança O locador ou o locatário?

Quem paga este seguro é o inquilino, seja pessoa física ou jurídica.

Quem tem o nome sujo pode fazer seguro de vida?

A seguradora não pode se recusar a fazer o seu seguro somente por conta da restrição no seu nome. As informações são da Superintendência de Seguros Privados (Susep), que regula a atuação das seguradoras.

Precisa ter o nome limpo para alugar um imóvel?

De acordo a legislação vigente no Brasil, não há nada que impeça qualquer pessoa de alugar com nome sujo — ou seja, com o nome negativado junto aos órgãos de proteção ao crédito.

Como alugar apartamento com restrição no nome?

Em nossa legislação não há nada que impeça uma pessoa com o CPF restrito de fechar um negócio. Porém, o locatário e a imobiliária tem a liberdade de realizar ou não o contrato, baseando-se no princípio da autonomia privada. Ou seja, o locador pode escolher não fechar o contrato caso ele não se sinta seguro.

Seguros Mais