Porque é importante fazer um seguro residencial?

Porque é importante ter um seguro residencial?

Indenizações: com um seguro residencial completo você poderá ter o suporte necessário para reconstruir sua casa em caso de incêndio, por exemplo, ou readquirir bens em casos de roubo ou furto; Tranquilidade: ao ter um seguro residencial você poderá viajar com tranquilidade, pois saberá que a casa estará protegida.

Porque é importante ter um seguro?

Uma das principais razões para se contratar um seguro é a garantia de uma proteção capaz de cobrir as despesas necessárias e imediatas em um evento adverso (sinistro). Assim, no caso de uma ausência repentina ou da perda de bens em um acidente, você e sua família estarão protegidos pela apólice do seguro.

O que é seguro de casa?

Essa modalidade de seguro oferece proteção aos imóveis destinados à moradia, sejam eles permanentes ou de temporada. Em alguns casos, esta proteção pode se referir tanto a estrutura física do imóvel como ao que está dentro dele.

O que contratar no seguro residencial?

Dentre as principais coberturas do seguro para residência estão:

  • Incêndio;
  • Roubo e furto;
  • Danos elétricos;
  • Impacto de veículos e queda de aeronaves;
  • Danos a vidros;
  • Vendaval, tornado e granizo;
  • Responsabilidade Civil.
É INTERESSANTE:  Qual a seguradora mais antiga do Brasil?

26 мар. 2020 г.

O que o seguro residencial não cobre?

Os seguros residenciais também não cobrem problemas em itens que estão na garagem; causados por animais de estimação, problemas em jardins; erros em alicerces ou fundações; objetos de terceiros, exceto quando o imóvel estiver alugado e haja como comprovar isso por meio de documentos.

Quantas vezes posso acionar o seguro residencial?

O seguro residencial pode ser acionado 24 horas por dia a qualquer momento. Afinal, os imprevistos podem acontecer a qualquer hora do dia ou em qualquer dia da semana. Cada seguradora mantém seus próprios canais, para que o segurado possa entrar em contato de onde estiver.

Porque fazer um seguro de automóvel?

Fazer o seguro de carro é ter uma proteção muito além dos problemas conhecidos e recorrentes que vemos por aí, como acidentes de carro, batidas, roubos e etc. Fazer a contratação do seguro garante tranquilidade para guiar o carro e estar amparado em diversas situações.

O que é importante ter no seguro de automóvel?

Conte com um sistema de segurança: alarme, travas especiais, rastreadores, bloqueadores e mais. Todos esses equipamentos quando instalados no veículo podem gerar bons descontos na contratação do seguro auto.

Por que fazer um seguro empresarial?

O seguro empresarial é um dos tipos de seguro, contratado para a proteção da empresa contra diversas modalidades de riscos. Todos esses riscos podem levar a empresa a prejuízos, que podem ser decorrentes de roubo, incêndio, vendavais, alagamentos etc. … O seguro empresarial é essencial para manter o seu negócio a salvo.

Qual o valor de um seguro de casa?

Sobram motivos para você contratar um seguro residencial, segundo a associação de consumidores Proteste, que avaliou 198 apólices de 11 seguradoras e levantou as opções com o melhor custo-benefício. Um seguro residencial custa, em média, R$ 456,55 por ano, de acordo com a associação.

É INTERESSANTE:  Quanto custa a taxa do Dpvat?

Pode fazer 2 seguros para a casa?

Possuir mais de um seguro não é ilegal. Mas o Código Civil estabelece que, no caso de um novo seguro para o mesmo bem, a pessoa deve comunicar por escrito à seguradora inicial, pois, caso haja sinistro, o valor da indenização não pode ultrapassar o valor real do bem.

Quais são os tipos de apólice residencial que existem?

No Brasil, existem dois tipos de seguro vinculados aos empréstimos imobiliários: o que cobre morte e invalidez permanente (MIP) e o que cobre danos físicos aos imóveis (DIF). Nos contratos do Sistema Financeiro da Habitação (SFH), esses seguros são obrigatórios por lei. Mas, atenção!

O que cobre o seguro residencial Bradesco?

Se a cobertura incluir o prédio e o que está dentro dele, o inquilino recebe parte da indenização para cobrir o que havia dentro da residência, como móveis e eletrodomésticos. Já o proprietário recebe a outra parte, que corresponde aos danos causados ao imóvel, como por exemplo paredes ou telhado.

Qual é a cobertura básica no seguro residencial?

Incêndio, explosão e fumaça

Como já citamos, essa é a chamada “cobertura básica” e, por questões legais, é de contratação obrigatória em qualquer seguro residencial. Ela cobre seu imóvel e seus bens de prejuízos causados por incêndios ou explosões que começaram dentro de sua casa ou, dependendo da situação, fora dela.

O que o Seguro Residencial Santander cobre?

O seguro residencial ajuda a resolver problemas emergenciais do dia a dia como imprevistos e reparos comuns em uma casa, como revisão de instalação elétrica, troca de lâmpadas, verificação de vazamentos, limpeza de ar-condicionado, manutenção e recarga de extintores de incêndio, vidraceiro, eletricista, chaveiro etc.

Seguros Mais