Resposta rápida: Como declarar no imposto de renda recebimento de seguro de vida?

Como declarar recebimento de seguro de vida no Imposto de Renda?

O recebimento do seguro ocasionado pela morte de algum parente é isento e deve ser reportado na ficha de “Rendimento Isento e Não Tributável”. Isso porque, mesmo que não haja incidência de Imposto de Renda, é importante demonstrar para o Fisco a origem lícita do aumento de patrimônio do beneficiário.

É preciso declarar recebimento de seguro de vida?

O valor da indenização do seguro de vida é um rendimento isento. Mesmo assim, é necessário declarar o valor para a Receita Federal identificar qual é a origem dos recursos.

Como declarar recebimento de seguro de vida no IRPF 2020?

A informação deve ser preenchida na aba de Rendimentos Isentos e Não Tributáveis e entra no código 3, referente ao Capital das apólices de seguro ou pecúlio pago por morte do segurado, prêmio de seguro restituído em qualquer caso e pecúlio recebido de entidades de previdência privada em decorrência de morte ou …

Como declarar seguro de vida pago no Imposto de Renda 2021?

Não, o seguro de vida não é passível de dedução no Imposto de Renda. Ou seja, não é possível abater o valor pago pelo seguro de vida da base de cálculo do Imposto de Renda.

É INTERESSANTE:  Melhor resposta: O que você tem que saber sobre seguro de carros?

Como declarar recebimento de VGBL por morte?

Como declarar resgate do VGBL no Imposto de Renda?

  1. Passo 1 — Na seção “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”, clique na opção Novo;
  2. Passo 2 — No campo “Tipo de Rendimento”, selecione a opção “12 — Outros”;
  3. Passo 3 — Na sequência, informe se o plano pertence ao titular ou dependente na declaração.

Como declarar Bradesco vida e previdência?

Passo 1 — Na seção “Bens e Direitos”, selecione a opção “99 – Outros Bens e Direitos” e o código “06 – VGBL – Vida Gerador de Benefício Livre; Passo 2 — Indique se ativo pertence ao Declarante (Titular) ou Dependente na Declaração (Dependente).

Quem recebe pensão por morte tem que declarar Imposto de Renda?

Aposentado e pensionista com 65 anos ou mais

Assim, essa aposentadoria ou pensão por morte deve ser declarada na ficha “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”. Porém, se o valor do benefício ultrapassar R$ 24.751,74 por ano, você deve pagar o IR apenas sobre a diferença maior que esse rendimento.

Como declarar indenização de seguro no Imposto de Renda?

– Na ficha “Bens e Direitos”, você deve informar no campo “Discriminação” que o carro foi levado e que o valor da indenização (R$ 20 mil) foi recebido da seguradora. – Na coluna “Situação em 31/12/2013” mantenha o valor da compra, R$ 24,7 mil, e em “Situação em 31/12/2014”, você deve mudar para “0,00”.

Como declarar pagamento de seguros?

A quantia deve ser ser colocada na ficha de “rendimentos isentos e não tributáveis” sobre o código 3, que trata do capital de apólices de seguro ou pecúlio pago em razão da morte do segurado, que é o tipo de declaração que deve ser feita pelo recebimento de indenização paga pelo seguro de vida.

É INTERESSANTE:  Qual faixa de idade para contratação do seguro de vida individual?
Seguros Mais