Pergunta frequente: Qual a importância função do seguro de vida acidentes?

Qual a importância de fazer um seguro de vida?

A grande importância do seguro de vida está na proteção. Ele proporciona, justamente, mais tranquilidade ao segurado, que estará amparado caso venha a enfrentar situações difíceis, ou algum tipo de doença que o impeça de sustentar a si, ou a sua família.

Porque fazer um seguro de acidentes pessoais?

“Ter um seguro de vida ou acidentes pessoais é uma proteção financeira para o segurado e seus beneficiários, pois em caso da falta do segurado o capital tem o objetivo de suprir a necessidade financeira dos dependentes por um período até que estejam restabelecidos”, afirma.

Como funciona o seguro de vida por acidente?

A cobertura cobre morte e invalidez permanente (total ou parcial) e outros riscos causados – unicamente – por acidente. Se as lesões do acidente exigirem, esse tipo de seguro pode garantir, ainda, tratamento médico.

O que é seguro de vida e acidentes pessoais?

O seguro de acidentes pessoais é uma proteção que tem como objetivo indenizar o segurado ou seus familiares em caso exclusivo de acidente. Para isso, é preciso que o sinistro esteja previsto na apólice do seguro, pois não são todos os casos de acidentes que são indenizáveis.

É INTERESSANTE:  Como pagar o IPVA e Dpvat?

Como vender um seguro de acidentes pessoais?

4 dicas de ouro para vender seguros disparadamente

  1. VENDA CONFORTO EM VEZ DE SEGURO.
  2. IDENTIFIQUE O PÚBLICO CERTO.
  3. OFEREÇA O PLANO QUE ELE PRECISA.
  4. CONSTRUA E MANTENHA UM BOM RELACIONAMENTO AO VENDER SEGUROS.

Qual o valor do seguro de vida por acidente?

No caso de morte natural ou acidental, a seguradora paga 100% do valor da indenização contratada. Esse valor varia conforme o preço pago pela apólice — que é chamado de prêmio. Além dessa cobertura de vida, no entanto, ainda há outras indenizações.

O que um seguro de vida não cobre?

Suicídio. Para essa situação extrema, geralmente, as seguradora não se comprometem com o pagamento da indenização. Também não costumam cobrir os danos causados pela tentativa de suicídio do segurado, durante o um prazo de carência de dois anos, contado desde a contratação do seguro.

O que garante o seguro de acidentes pessoais?

O seguro de acidentes pessoais é um produto que tem como objetivo principal garantir uma indenização em casos de acidentes que provoquem, por exemplo, morte ou invalidez do segurado, ou seja, danos físicos permanentes que incapacitem o indivíduo de continuar exercendo sua atividade profissional.

Qual é a diferença entre seguro de pessoas e seguro de vida?

Basicamente, a diferença é que o seguro de vida oferece ao beneficiário indenização quando há morte natural ou acidental do segurado. Já o seguro de acidentes pessoais, garante o benefício somente em caso de acidentes.

Quem paga seguro de vida?

O seguro de vida é como um contrato em que a seguradora paga uma indenização se algum dos eventos previstos na apólice efetivamente acontece. Em caso de morte do titular do seguro, a indenização é paga aos beneficiários escolhidos no momento da contratação. Não havendo um, são os dependentes legais que recebem o valor.

É INTERESSANTE:  Onde é feita a perícia do DPVAT?

Qual é a exceção sobre o seguro de vida?

Uma exceção é o seguro de vida contratado como garantia de pagamento de dívidas, como, por exemplo, um financiamento imobiliário ou um empréstimo pessoal.

Seguros Mais